Mais pôsters e videos do Thor.

A nova leva de cartazes enfoca individualmente os personagens do filme. A impressão que fica é que embora os 2 trailers mostrados até agora sejam muito bons, não encontraram uma linguagem gráfica para essa parte da publicidade. Mesmo assim, as imagens liberadas são legais, só poderiam ter usado outra fonte nas frases.Veja aí:

Anthony Hopkins É o Odin de verdade!

” O rei de Asgard”

Thor (Chris Hemsworth)

“O deus do trovão”

Loki(Tom Hiddleston)

“O deus da trapaça”

Heimdall (Idris Elba)

“O guardião dos mundos”

Lady Sif ( Jamie Alexander)

“oláááááá, enfermeira!!!”

Jane Foster ( Natalie Portman)

“A mulher da ciência”

Há uma certa polêmica criada pelos fãs quanto a escolha de Idris Elba para Heimdall( um ator afro-americano que vive um deus nórdico). Não vejo problema nisso, talvez porque sempre tenha visto os personagens de Thor como Asgardianos, e não nórdicos. O personagem é irmão da Lady Sif, então não sei se isso será explicado( o que me parece até desnecessário-eles são quase deuses,sei que suspensão de descrença é quase um super-poder hoje em dia, mas não é tão dificil)  ou até que ponto faz parte da história. Lembrando  que Kenneth Branagh já tinha usado uma idéia parecida em “Muito barulho por nada” em que Denzel Washington e Keanu Reeves interpretam dois irmãos.  De qualquer jeito, parece que Heimdall, o guardião da ponte Bifrost, que separa Midgard( a Terra) de Asgard, vai ter um papel de destaque no filme. Até agora o filme passa empolgação, embora ele pareça dificil de vender para o público não leitor de quadrinhos, a presença de atores reconhecidos como Hopkins e Natalie Portman pode ajudar.

Mas cadê o Balder?

Atualizado com o melhor pôster até agora e  dois comerciais porretas para a televisão!


Muito bom!

Thor- trailer do filme

Liberado o trailer do filme do Thor, personagem da marvel comics. Desde que a Marvel começou a adaptar não personagens isolados, mas sim seu universo de criações para o cinema, fiquei curioso com como iria funcionar com o Thor.Aqui, temos um vislumbre:

É complexo, porque  a versão da Marvel para o deus do trovão da mitologia Viking trabalha através de uma caracterização que funde magia e  ciência em algo cósmico, como o próprio Thor explica no trailer: ” seus ancestrais chamavam de magia. Você chama de ciência. Eu venho de um lugar onde as duas são a mesma coisa.” Mas parece que está dando certo,e  mesmo que não possamos saber muito pelo trailer, Anthony Hopkins e Chris Hemsworth parecem muito bem nos respectivos papéis de Odin e Thor. A Marvel Comics sempre teve em seus melhores personagens uma boa dose de tragédia e culpa, e apenas pelo diálogo de pai e filho na cena em que Odin exila Thor na Terra, já dá para perceber que essa carga estará lá. As cenas de ação são promissoras, como na parte em que thor usa o mjolnir( é o nome do martelo) para arrebentar o lugar!

O visual também  está bem legal. Parecia que o Marvel studios iria, de certa forma,  “nivelar” o visual dos filmes dos personagens individuais como o Thor e o Capitão América para que não destoassem na adaptação dos Vingadores ( a equipe formada pelos dois citados, o Homem  de Ferro, Hulk e outros). Mas os designers parecem estar fazendo um bom trabalho neste sentido, pois cada produção possui visualmente identidade própria, mas ao mesmo tempo parece que funcionarão em conjunto. E eu gostei das armaduras Asgardianas, que geraram algumas controvérsias quando foram divulgadas.

Bem, é isso aí, Thor estréia em 29 de abril de 2011 no Brasil.

cartazes de filmes

Dias atrás sairam estes cartazes bacanas de Black Swan, filme de Natalie Portman dirigido por Darren Aronofsky, que eu vi no Gatos e Cérebros. Legais porque são ótimas artes,preocupadas em passar o clima do filme de outra forma, diferentes dos tradicionais posters com fotos das cabeças ampliadas dos atores.

Acho que seria legal se os estúdios investissem mais em representações desse tipo, além  de se preocupar com o nome do astro em letras grandes.

Algo como os ótimos cartazes minimalistas do designer William, que representam as idéias dos filmes de forma mais sutil:

No blog do William, o desenho por desenhar, você encontra mais do trabalho dele, como outros cartazes e redesenhos de personagens. Recomendado!

Black Swan em Veneza

Um dos filmes mais comentados no festival de Veneza, Black Swan, acabou não levando prêmio algum, só o de atriz revelação para Mila Kunis. Até Natalie Portman ( que já chama atenção no ultra tenso trailer) foi desbancada pela atriz Ariane Labed, do filme grego “Attenberg”. De todo jeito, Black Swan parece seguir uma linha de terror psicológico, que eu gosto bastante. A história é sobre uma bailarina com uma espécie de “inimiga imaginaria”. Só nesse vídeo já fiquei com uma sensação incômoda-não tanto quanto em “réquiem para um sonho”, mas aí já era demais. também já disse que considero o diretor, Darren Aronofsky, um dos melhores em atividade. Curioso pra assistir…

E por que será que a Natalie Portman não ganhou o prêmio? Será que a vencedora realmente se saiu melhor?

ou será que o jurí descobriu que ela  já havia mostrado suas habilidades de dança no clipe do Devendra Banhart?