Eisner/Miller.

Terminei recentemente de ler um livro muito legal, que coleta conversas de Will Eisner e Frank Miller, quadrinhistas fantásticos. A obra já tem mais de dez anos, e digo que vale muito a pena tanto pra quem é leitor de quadrinhos como para quem é quadrinhista. Eles discutem vários aspectos interessantes do meio, desde o uso de balões nas hqs ( um trecho da conversa aparece na minha ilustração) quanto o próprio formato em que hqs são impressas. Mas vou aproveitar o livro para comentar a última polêmica envolvendo o Miller.  Continuar lendo

Um desses filmes de gibi onde você menos espera…

guardiões-galaxia

Numa video-locadora perto da minha casa, estou eu lá dando uma olhada nos lançamentos, quando vejo uma moça por volta dos 30 anos pedir ajuda a uma atendente:

-Moça, você pode me indicar um filme legal? Que tenha ação e aventura?

-Claro, chegaram uns muito legais e…

– Mas não pode ser um desses filmes de gibi.

Continuar lendo

Cuidado com o fantasma cinzento!

fantasma-cinzento

Originalmente em RPHQ

Ainda relacionado a série do Batman dos anos 90, um dos episódios citados era “Cuidado com o Fantasma Cinzento”, no qual o Batman encontra o seu herói de infância, de um antigo seriado.

E como curiosidade, Matt Landsman e J.L Topkis fizeram essa homenagem em forma de curta com o Fantasma Cinzento, o herói do homem-morcego. Tem um jeitão de filme antigo de matinê :
Continuar lendo

Especial Flex Mentallo!

Flex-capa

Neste especial, o amigo Matheus Oliveira debruçou-se sobre aquela que Grant Morrison considera sua melhor obra e escreveu um texto muito estimulante! Flex Mentallo é uma máquina narrativa que ao mesmo tempo que conta a história, analisa o gênero e as convenções do gênero dos super-heróis de maneira profunda.

Este especial é um serviço de utilidade publica,  esquadrinhando e catalogando muitas das peças que Morrison usou para construir sua história, mas que passam despercebidas! Pedi ao Matheus que escrevesse um texto sobre a hq, mas ele ficou tão rico em detalhes que  foi necessário dividi-lo em duas partes.

Na primeira, a história é apresentada e as sutilezas da obra começam a ser desvendadas, encontrando coisas que só enriquecem o gênero dos super heróis!

Na segunda, vamos até vários pontos obscuros da trama, “descascando” as diversas camadas desta hq.

Então vá, e releia Flex Mentallo depois da análise do Matheus!

Flex Mentallo- Parte 1

Flex Mentallo- Parte 2